domingo, 14 de março de 2010

O Centeio!


A sua presença constitui hoje já quase apenas uma memória dos hábitos e tradições comunitárias da nossas gentes, no cultivo e na alimentação; as sementeiras, as segadas, as malhas, o uso da palha na cobertura das casas, no enchimento das enxergas, no chamuscar do porco!


Deixamos uma pequena referência às qualidades da fibra do cereal. Tanto o American Journal of Clinical Nutrition quanto o American Journal of Gastroenterology classificam o cereal como um alimento funcional e que só traz benefícios à saúde. De acordo com a primeira publicação, pães de centeio são melhores do que os de trigo para os diabéticos devido à sua atuação junto à insulina. Já o segundo jornal afirma que o consumo de fibras, como as encontradas no centeio, diminuiu os riscos de mulheres desenvolverem cálculos biliares – doença que acomete a vesícula biliar. Outros estudos indicam que o consumo de cereais integrais, é uma excelente opção para mulheres na pós-menopausa e que sofrem de doenças cardíacas, pressão e colesterol altos. Por tudo isso, os médicos em geral recomendam seu consumo.


A foto mostra a nossa sementeira de centeio, deste ano, no espaço anexo ao Parque das Tílias e Horta Social.

Sem comentários: